Dicas de Viagem para Jordânia

 

Idioma na Jordânia

O idioma oficial na Jordânia é o árabe, mas o inglês é muito falado, em especial nas cidades. Muitos jordanianos viajaram ou tiveram uma educação no estrangeiro, por isso também é falado o francês, o alemão, o italiano e o espanhol, mas a uma escala menor. Quando o árabe é escrito na Jordânia mas com o alfabeto latino, é usada a grafia inglesa, mas esta pode ser interpretada de várias formas, por isso, a grafia dos nomes das ruas pode variar, por exemplo. Por essa razão é que a fonética é um guia melhor do que a grafia.

 

 

Moeda e Câmbio na Jordânia

A moeda local é o dinar jordano, símbolo JD, frequentemente conhecido por “jaydee” em inglês. Há notas de 1, 5, 10, 20 e 50 JD. O dinar está dividido em 100 piastras ou 1000 fils. O fils é a unidade mais usada e os preços aparecem normalmente como 4,750 ( 4 JD e 750 fils). Pode trocar  moeda nos principais bancos, casas de câmbio e na maioria dos hotéis. É melhor evitar os cambistas de rua. As taxas de câmbio são fixadas diariamente pelo Banco Central da Jordânia.

 

 

Fuso Horário na Jordânia

O fuso horário é de 5 horas a mais em relação ao horário de Brasília (4 durante o horário brasileiro de verão).

Vacinas Necessárias

É obrigatório estar vacinado contra a febre amarela. A vacina deve ser tomada nos postos de saúde de sua cidade com 10 dias de antecedência à data de embarque e será emitido certificado nacional. Recomendamos que seja feito contato com os postos de atendimento ao viajante da ANVISA localizados nos aeroportos ou através do site http://www.anvisa.gov.br/viajante/ para maiores informações na data próxima a sua viagem para obter informações atualizadas sobre o assunto e sobre a necessidade de emissão do certificado internacional.

  • Posto do Viajante Aeroporto Guarulhos:  (11) 2445-4435
  • Posto do Viajante Aeroporto Congonhas:  (11) 5090-9228
  • Posto do Viajante Aeroporto Galeão:  (21) 3398-2377 / 2108

 

 

Vistos e Documentos Necessários

Para viajar a Jordânia é necessário ter o passaporte com validade de no mínimo seis (06) meses a partir da data de entrada no país e no mínimo quatro (04) folhas em branco.

Brasileiros viajando para a Jordânia precisam de visto de entrada.
O visto poderá ser emitido localmente no aeroporto de Amman mediante pagamento de taxa (aproximadamente US$ 30,00).
O visto também poderá ser emitido com antecedência no Consulado Honorário da Jordânia em São Paulo. Para maiores informações

O custo de um visto de entrada para todas as nacionalidades é de JD 20 (cerca de US$30) e, para múltiplas entradas, JD 60 (cerca de US$85).Os grupos de cinco pessoas ou mais que cheguem através de um operador turístico da Jordânia estão isentos das despesas relacionadas com os vistos. À chegada em Aqaba, pelo porto ou pelo aeroporto ou na passagem entre Israel e a Arábia Saudita, são concedidos vistos gratuitos para a Jordânia. Não há obrigações associadas a este visto, tirando o fato de terem de abandonar o país dentro de um mês a contar sobre a data de chegada e de não terem de “renovar” o visto.
Todos os visitantes sem excepção têm de pagar o imposto de saída, quer tenham visto ASEZ ou não, e sempre que abandonarem o país.
Estrangeiros residentes no Brasil devem apresentar RNE original e Passaporte; também é indispensável verificar se Israel exige visto de seu país natal.

 

 

Vestuário na Jordânia

A Jordânia é um país muçulmano, apesar de a liberdade religiosa estar protegida. As roupas das mulheres muçulmanas, não raro, cobrem os braços, as pernas e o cabelo. As mulheres ocidentais não estão sujeitas a estes costumes, mas o vestuário pouco discreto não é adequado e aconselha-se o uso de roupa conservadora, tanto para os homens como para as mulheres, na zona velha de Amã (baixa) e fora das cidades. Os homens e as mulheres não costumam usar bermudas, por isso, esta peça de vestuário irá parecer estranha na baixa Amã. Os banhos de sol em topless são proibidos, pelo que são preferíveis fatos de banho de uma só peça, apesar de os com duas peças serem aceitáveis nas piscinas dos hotéis.

 

 

Eletricidade na Jordânia

A corrente elétrica da região é de 220 volts. A maioria das tomadas usa o sistema europeu de 2 pinos. Como não há uma padronização mundial para tomadas, é recomendável levar um adaptador universal padrão.

 

 

Água na Jordânia

A água é um recurso valioso na Jordânia e os visitantes devem poupá-la. Os hotéis de 3 e mais estrelas têm os seus próprios sistemas de filtragem e a sua água é considerada boa para beber. Nos restantes locais, a água engarrafada é barata e está facilmente disponível.

 

 

Horários Comerciais na Jordânia

A Sexta-feira é o dia de descanso semanal. Os bancos, os serviços governamentais e a maior parte das lojas também encerram aos Sábados. Alguns serviços, incluindo os balcões de companhias aéreas, agências de viagens e algumas lojas também encerram na quinta-feira à tarde, mas as lojas dos centros comerciais e os supermercados estão abertos. Algumas empresas e lojas também encerram durante parte de Domingo.

Tipo de actividade Horário de funcionamento
Bancos 08.30-15.00
Escritórios 08.30-13.00 & 15.30-18.30
Serviços governamentais 08.00-15.00
Lojas Flexível, normalmente 09.30-13.30 & 15.30-18.00
* Note que durante o Ramadã  o encerramento ocorre mais cedo.  Em 2013 o Ramadã será de 9 de Julho a 7 de Agosto.

 

 

Cartões de Crédito Aceitos na Jordânia

Os hotéis, restaurantes e lojas maiores aceitam cartões de crédito, incluindo American Express, Visa, Diners Club e MasterCard. Note que muitas das lojas mais pequenas preferem pagamento em numerário e na moeda jordana, pelo que é necessário para comprar nos souks locais.
<

 

Feriados Nacionais na Jordânia

Os bancos, as empresas, as repartições públicas e muitas lojas encerram todo o dia nos feriados oficiais. Os feriados oficiais fixados são:

Dia de Ano Novo 1 de Janeiro
Dia do Trabalhador 1 de Maio
Dia da Independência 25 de Maio
Dia de Natal 25 de Dezembro

Há vários feriados oficiais que não estão fixados. São a Páscoa e os seguintes Feriados Islâmicos que são baseados no calendário lunar:
*Eid al-Fitr – Celebração de 3 ou 4 dias que assinala o fim do Ramadão
*Eid al-Adha – Celebração de 4 dias no final da Hajj, ou mês da peregrinação a Meca
*Primeiro de Muharam Ano Novo Islâmico
*Nascimento do Profeta Maomé (que a paz esteja com Ele)

Curiosidades da Jordânia

Falar árabe é mais fácil do que possa pensar e se tentar pronunciar algumas palavras isso irá fazer com que ganhe o respeito dos habitantes locais e é uma boa forma de iniciar a conversação com um desconhecido. O povo jordaniano  é extremamente compreensivo e irá ajudá-lo sempre que precisar.

Eis algumas palavras e frases úteis para começar:

INGLÊS ARABIC
Yes (sim) Na’am
No (não) Laa
Please (por favor) Min fadlak (para um homem)
Min fadlik (para uma mulher)
Thank you (obrigado) Shukran
You’re welcome (de nada) Afwan
Hello (olá) Marhaba
Goodbye (adeus) Ma’asalameh
What is your name? (Como se chama?) Shoo ismek?
Please (por favor) Lao samaht
Excuse me (perdão) ‘An iznek
What time is it? (Podia dizer-me as horas?) Edesh el sa’aa?
How much? (Quanto é?) Addeysh?
I don’t speak Arabic (não falo árabe) Ana laa ahkee Arabee
One (um) Waahid
Two (Dois) Tinain
Three (três) Talaateh
Four (quatro) Arba’a
Five (cinco) Khamseh
Six (Seis) Sitteh
Seven (Sete) Sab’a
Eight (oito) Tamenyeh
Nine (nove) Tis’a
Ten (dez) ‘Ashra
Left (esquerda) Shmaal
Right (direita) Yameen
Straight (em frente) Dughree

Os números árabes são fáceis de ler, na verdade, o sistema numérico ocidental deriva do sistema árabe. Ao contrário das palavras, os números em árabe lêem-se da esquerda para a direita (igual aos numerais ocidentais).

Números em Árabe

 

 

Dicas dos Passageiros para Patagônia Argentina

Eu aconselharia que o interessado praticasse a arte de barganhar, pois lhes seria muito útil . O comprador sábio não deve comprar nada até reduzir o preço.
Maria do Carmo de Salvo Soares Novo e Dorothy Young Dolenc

 

Achei a Jordânia fascinante. Foi uma verdadeira lição de geografia, história e sociologia. As pessoas que lá vivem foram todos gentis e prestativos. Os hotéis foram confortáveis e a comida foi ótima.Os locais visitados inclusive com os passeios adicionais forma ótimos e recomendo que quem for a Itália visitem esses locais.
Gilberto e Sandra Zanini